CIGARRA – FALAR DIZENDO MIXTAPE

CIGARRA (Brasil – Hystereofônica | VOODOOHOP)

Ágatha Barbosa (a.k.a. Cigarra) é DJ, produtora e label manager da Hystereofônica, cresceu na densa cena underground de São Paulo e participou da efervescência de suas festas e festivais assim como na formação original da conceituada Voodoohop. Há uma década explora sets únicos, e a partir desta experiência cria seus próprios casulos sonoros. Em 2016 lançou o EP “Límbica” e em 2018 “Ato”, ambos pela Tropical Twista Records.

Ágatha também expressa sua visão de mundo como VJ e por agora vive em Lisboa, onde organiza das festas Ancestrofuturismo e Carniçeira. Em suas paisagens sonoras e produções, ela mergulha na pesquisa de apropriação de samples (plunderphonics e copyleft) desvendando uma cultura popular, periférica, contemporânea, global.

Ritmos brasileiros e de diversas partes longínquas do mundo agregam-se em um set contagioso de hipnóticas e sedutoras frequências que vão do global bass ao downtempo. Todas suas potencialidades e seu enfoque na expressão feminina inspira uma legião de mulheres a cantarem uníssonas na sua pista. Seu discurso e engajamento também fazem dela uma importante referência para a atual cena eletrônica underground latino-americana.

Este set é sobre a expressão feminina com um recorte cheio de palavras faladas, declamadas e ritmadas.

Setlist:
Xênia França – Garganta
Sudan Archives – Water
Venga-Venga – Androgenismo
Luiza Lian – Cadeira
SEVDALIZA – Marilyn Monroe
Serena Assumpção – Nanã
Nathy Peluso – Keomumu
Chocolate Remix – Ni una a menos
Xênia França – Tereza Guerreira
Mawaca – Qyria Yeféfyia
Potyguara Bardo – Mamma Mia
Não Recomendados – Não recomendado
TAP (ft. BadSista) – So special
Sandra-X – Jongo para as Liliths
Victoria Santa Cruz – Me gritaron Negra
Rosalia – De aqui no sales
Elza Soares – O que se cala
Craca e Dani Nega (ft. Luedji Luna) – Peito Meu
Saskia – Falta
Luedji Luna – Iodo + Now Frágil